sexta-feira, dezembro 31, 2010

Personalidade do Ano (continuação)

E depois de muita conferência, o juri lá chegou a um consenso atribuindo, não a Categoria de 3º Grau como estava previsto, mas sim, mais uma personalidade de 1º grau (clique na imagem para melhor visualização).

Manuel Madeira personalidade do ano 1º grau

quinta-feira, dezembro 30, 2010

Vem aí 2011



PERSONALIDADES DO ANO

Terminou a última de dez reuniões
do Colectivo ArreMacho.
Optando-se este ano por não se fazer nomeações com certificação de 3º grau, pela persistente coincidência de votos em três nomes, deste modo, deliberou-se por votação, em mais um nomeado com a certificação de 1º grau, cuja personalidade também do nosso Concelho, em breve será divulgada pelo relator deste colectivo, o Srº K7 Pirata.
Saudamos todos os laureados.

QUE NINGUÉM SE CALE

Mediante as revelações da Wikileaks, é legitimo que os cidadãos de todo o mundo se interroguem e sintam a necessidade de ver os assuntos devidamente tratados, nomeadamente aqueles que envolvem os seus países.
Pela minha parte, exijo explicações, responsabilização politica e até decisões judiciais se for caso disso, sobre a utilização do espaço aéreo português no transporte de pessoas para Guantanamo.
Exijo explicações sobre o envolvimento do banco Milenium/BCP em negócios com o Irão - pois tanto podem ser de armas como de droga, e mesmo que sejam de massas alimentícias ou de sabão macaco, tem de haver explicação, inquéritos e porventura punições.
.
Ou será que temo-nos de quedar em silêncio,
ficar caladinhos para não incomodar os mercados,
como o Presidente Nhã Nhã diz????... ...

Personalidade do Ano

Tal como já aqui fora referido aqui ficam as personalidades do ano do Concelho da Moita, faltando ainda uma de terceiro grau mas o juri não chegou ainda a consenso, ficando a decisão e divulgação para amanhã (clique nas imagens para melhor visualização).

João Lobo Personalidade do Ano 1º grau
Manuel Borges Personalidade do Ano 2º grau

quarta-feira, dezembro 29, 2010

Cantando e rindo...

Assisti à última Assembleia Municipal da Moita, onde com os votos da CDU foram aprovados o Plano de Actividades e o Orçamento para 2011.
.
Tratou-se de um artificio meramente administrativo, quase copy past dos anos anteriores, por isto nada inovador e apenas agravado pela crise traduzida nos cortes do poder central, a juntar ao conhecido garrote do serviço da exorbitante divida do Municipio. O Orçamento aprovado é assim um documento perfilhado pelas regras neoliberias, não se vislumbrando qualquer traço criativo e de sentido contrário, a corresponder à descrição preambular, e ainda menos ás intervenções elogiosas proferidas pelos membros da CDU naquela Assembleia, diga-se, tão despropositadas, que até merecem registo num qualquer anedotário.
.
Mesmo assim, não ponho em causa o rigor do documento e ainda menos a honestidade dos seus promotores, destacando apenas ao nível do rigor a congénita opção com barbas, em manter nas receitas previstas os célebres terrenos, cujo enguiço já dava romance. O que ponho em causa é o estilo de gestão conformada, exactamente oposta ao conteúdo ideológico dos discursos usados, podendo afirmar que para fazerem o que fazem, tanto lá podia estar o PS como o PSD - seria a mesma música, apenas tocada por diferentes "charangas".
.
Para ser diferente, bastava que os autarcas que são militantes do PCP, interiorizassem algumas orientações programáticas do seu próprio Partido - por exemplo valorizar o diálogo com a população no sentido de tornar o cidadão e as instituições em sujeitos activos, em vez do habitual contacto, redutor, apenas para cumprir calendário.
Fazer a diferença no âmbito autárquico, só é possível por uma permanente busca na inovação por uma comunidade informada e comprometida. Isto não são apenas palavras, trêtas - por exemplo o pagamento da ETAR por parte da população Moitense, que é o pagamento de um serviço que ainda não lhe é prestado, não levantou qualquer bronca, não houve manifestações à porta da Câmara, parecendo ser já uma questão consensualizada.
Só que tal consenso se sustenta na habilidade perversa, que é o uso e a promoção do conformismo e da indolência, instrumento conservador e reaccionário, avêsso à democracia.
Bem melhor seria, se os autarcas tivessem promovido um diálogo activo sobre a ETAR - estariamos hoje perante um consenso diferente, sustentado numa comunidade informada e comprometida.
.
É por estas e por outras que fiquei desagradado com o chumbo por parte da CDU, à proposta apresentada por Luís Morgado lá na Assembleia Municipal, acrescendo a gravidade dos argumentos despropositados e desbocados que foram usados, para denegrir a respectiva proposta.
.
A manterem-se tais hábitos, não me admira nada num dia destes, as charangas começarem a tocar - lá vamos, lá vamos, cantando e rindo.

Que raio de Nobreza...

Esta candidatura de início suscitou-me alguma curiosidade, mas a verdade é que se tornou numa desgraceira de pasmar. O homem não só não transmite convicção como está ôco e ainda por cima vaidoso de sobra. Um Nobre sem nobreza.

O Debate - presidenciais

Gostei do desempenho do Candidato Manuel Alegre, nomeadamente pela quantidade de vezes que obrigou Cavaco a chutar p'ra fora, mais o jeito que teve para tornear as insinuações, evitando que o diz-sedisse dominasse o debate.
.
Mais uma vez os comentadores de serviço - ao serviço dos seus patrões - quase todos anunciados apoiantes de Cavaco, logo de seguida e hoje na imprensa, trataram de aligeirar e até denegrir o desempenho de Manuel Alegre naquele debate. Estamos assim perante uma chapelada de novo tipo, em que a refinada instrumentalização aposta na manipulação e até na ocultação eleitoral, de tal forma que são muitos os portugueses que ainda não sabem a data das eleições para a Presidência da República.
.
Com jornalistas destes, cuja vassalagem os impede de apontar e gritar que o Presidente Cavaco está nu, é bem possível uma chapelada sem que surja qualquer denúncia.

Em Breve - Inauguração

e
Manda o rigor, que na inauguração da ETAR, as primeiras filas serão exclusivamente para os munícipes do Concelho da Moita.
Calcula-se que o 1º Ministro apareça, ou até o Presidente da República queira estar - porém nada poderá dificultar a participação da população deste Concelho, exactamente a única que tem vindo a pagar para a concretização de tamanha obra.
.
Por obrigações protocolares e institucionais, o Presidente da Câmara do Barreiro naturalmente integrará a comitiva que presidirá à efeméride, já o pessoal do Lavradio e os Barreirenses em geral, não terão entrada no espaço da cerimónia, posto que ao contrário de nós, até hoje não pagaram nem 1 cêntimo.
A barbuda do tempo do presidente Zé Luís, já não volta, já não há dinheiro emprestado nem outras abébias. É que há conta destas e outras, o Barreiro com uma população equiparada, tem piscinas, gimnodesportivos e muitas mais infraestruturas, e o nosso Concelho tem uma... ...

Centenário da República - 29 Dez 1910

Lei da liberdade de imprensa.

in "Uma curta história política da República, no ano em que completa 100 anos" Edições Philae.

terça-feira, dezembro 28, 2010

Sobre as Personalidades do Ano de 2010

Uma bonita iniciativa que se ía transformando num trinta e um - não fosse a pluridade do colectivo ArreMacho contribuir para arrefecer ânimos e os convidados à função de consultores, teriam acabado à porrada.
.
É que nestas coisas nunca é fácil definir critérios e ainda por cima tratando-se da avaliação de excelsas figuras da nossa comunidade. Apesar disto foi possível decidir e assim nomear as Personalidades do Ano 2010 do Concelho da Moita, que em breve serão divulgadas, logo que estejam criadas condições dignas e compatíveis com a respectiva efeméride.

O dia do "dá cá o meu" dos acionistas da PT




O dia do



Hoje vão ser pagos os dividendos aos acionistas da PT pela venda da VIVO. Normalmente só seriam pagos no próximo ano, mas como o governo anunciou um aumento dos impostos nada como antecipar os lucros. O governo quando ouviu falar disto, gritou -Malandros, isto não pode ser, mas rapidamente se esqueceu e até o acionista Caixa Geral de Depósitos acabou por votar no "dá cá o meu", enquanto, na Assembleia da República, o PS batia o pé para que nenhuma lei pudesse ser aprovada para o impedir.
São muitos, mas mesmo muitos milhões que alguns, poucos, vão embolsar enquanto para os outros ficam os sacrifícios para pagar a crise que a banca e a ganância capitalista criou. Só nós devemos pagar, só a nós nos pedem que contribuamos para salvar o país. Reduzem-nos os salários, mas não pedem às empresas, como por exemplo à EDP, que também contribua reduzindo os seus lucros para nos aliviar um pouco o peso da austeridade nas contas dos consumidores, antes pelo contrário, aumentam os preços em quatro e meio por cento.
O país está de rastos mas o que vemos é pedir a uns, aos que menos têm, que paguem para que os grandes grupos económicos possam continuar a endividar o país a seu belo prazer em busca de maiores lucros. Até quando vão calar a vossa indignação?

domingo, dezembro 26, 2010

Deficit & Deficits

I
Dos 2,2 mil milhões de euros dispensados pelo Estado para enfrentar a crise, por apuramento do Tribunal de Contas, a divisão foi a seguinte:
.
- 61% para os Bancos
- 36% para algumas Empresas;
-1% para apoiar o emprego.
.
nota - excelentes critérios, a equidade é uma evidência.
II
No (deficit) de competividade o custo dos salários está em 11 e 12 %, mas nas cerca de 5000 empresas estrangeiras radicadas em Portugal, o custo dos salários está ente 13 e 16% e o índice de competividade é 2,5 vezes superior.
.
nota - a legislação laboral é a mesma.
III
Por experiência própria os portugueses sabem que o deficit orçamental se reduziria com facilidade em 2 ou 3 anos, mas também sabem que a bronca está no facto de importarmos quase tudo e deste modo o desiquilibrio nas contas externas - isto num cenário em que a bronquite congénita destruiu o aparelho produtivo, desindustrializou, desqualificou o cultivo da terra e abandonou a pesca.
.
nota: - vamos trabalhar p'ra onde e em quê?

(....)

Kustodiyev-1927
Ontem, depois de várias horas de brincadeiras com os netos - ao ouvir as notícias e as inúmeras imagens das distribuições de refeições acompanhadas das habituais declarações, sempre sintonizadas na caridadezinha, a empurrarem-me o pensamento para o conformismo "de que apesar de tudo, se não fosse assim, seria bem pior".
Consegui saltar para outros tempos, misturando a música, a pintura e assim o entusiasmo e a esperança que por todo o lado animaram os povos por um mundo melhor. É verdade que foi um tempo curto, cedo limitado por desgraceiras que entendo irrepetíveis na humanidade, geradoras de enormes desencantos, mas mesmo assim um tempo em que pela primeira vez os famélicos da fome pretenderam edificar um sistema solidário, sem espaço para a caridadezinha.
Estive a ouvir a 5ª Sinfonia de Chostakovitch, cuja tensão emocional e avassaladora, traduz bem o entusiasmo e a esperança daquela época.
.
Acredito mesmo que num qualquer dia destes, que calculo próximo, outra sinfonia tocará, interpretando o entusiasmo e a vitória dos povos sobre o actual e tenebroso Império dos Deuses Agiotas.

Algumas prendas do governo...



.
Mas há mais!

sábado, dezembro 25, 2010

Centenário da República - 25 Dez 1910

É instituido o casamento civil.

in "Uma curta história política da República, no ano em que completa 100 anos" Edições Philae.

sexta-feira, dezembro 24, 2010

É NATAL...

O ARREMACHO,
deseja a todos um
Santíssimo Natal
Apesar das circunstâncias que envolveram a gestação de Jesus, pois passados mais de dois mil anos, ainda são um mistério - por magia sobram referências que caracterizam esta quadra.
.
Que saibamos conviver com estas coisas, respeitando o arcanjo Gabriel que calcula-se assexuado e nomeadamente José, em que o mais provável foi não ter respeitado a lei antes de Maria ir visitar a família de Zacarias.
.
É uma quadra de magia, explicada pela ousadia de amar, pela subversão que o amor e a liberdade exaltam.
.
Bem haja a todos.

História do Natal Digital

quinta-feira, dezembro 23, 2010

Assembleia Municipal da Moita



'Assembleia Municipal rejeita recomendação para discussão participada do Plano e Orçamento municipal
Luís Morgado, membro independente do BE na Assembleia Municipal da Moita viu rejeitada uma recomendação, que sugeria que se consensualizasse um modelo de consulta e participação da população, envolvendo as Juntas de Freguesia, o movimento associativo, empresarial e outros, na discussão participada do Plano e Orçamento municipal para 2012.

Esta recomendação teve a seguinte votação: 19 votos contra (18 CDU; 1 PSD); 13 votos a favor (9 PS; 3 BE; 1 CDS/PP); 1 voto de abstenção (1 PSD).

Recomendação


Considerando que no âmbito das atribuições da Assembleia Municipal, o Orçamento e o Plano de Actividades, são os instrumentos mais relevantes sobre os quais este órgão representativo delibera;
Considerando que a sua natureza específica e detalhada, ano após ano, incide directamente na gestão, actividade do município e na vida da população do Concelho;

A Assembleia Municipal da Moita reunida em 21 de Dezembro de 2010, pela importância dos objectivos que tais instrumentos integram, susceptíveis de motivar interesse e empenho naqueles que são os seus destinatários, a população. Delibera recomendar ao Executivo da Câmara Municipal, com objectivo experimental e com efeito na elaboração do Orçamento e Plano de Actividades para 2012, o seguinte:

▪ Consensualizar com este órgão (AM) um modelo de consulta e participação da população, envolvendo as Juntas de Freguesia, o movimento associativo, empresarial e outros, cujo plano iniciará a partir de Maio de 2011;

▪ Apresentação de itens, (acessibilidades, desenvolvimento urbano, saúde, cultura, etc.) que permitam a discussão partilhada na definição de prioridades em função dos recursos disponíveis.

▪ Aceitar esta recomendação como uma experiência, porventura inovadora na construção de uma comunidade participativa, comprometida e solidária. Objectivos inerentes a todos os que defendem a natureza e evolução do poder local democrático.

Notícia do jornal o RIO

quarta-feira, dezembro 22, 2010

PRESIDENCIAIS

VAI HAVER
CHAPELADA
O debate de ontem entre o Presidente candidato a Presidente e aquele cidadão português, que tem o azar de ser comunista. Surgiu hoje nos Jornais caracterizado por uma vitória de Cavaco.
.
Aquele desgraçado, comunista, que devia de estar numa qualquer fila de pobrezinhos a aguardar pela sua vez de receber a sopa, meteu-se com o Salvador, exactamente com aquele que mais se destacou na sagrada função de Sacristão, enquanto decorreu a visita de Bento XVI a PORTUGAL. Coitado dele, não só diz sempre a mesma coisa, como até se esqueceu que o Salvador não só é filho de pobrezinhos, como nasceu numa pobre gruta em Boliqueime.
.
Os Grupos Económicos e Financeiros, poderosos detentores de quase todos os orgãos de comunicação social, têm os objectivos facilitados pelo sistema que engendraram - não lhes faltam profissionais para Directores de publicações, Jornalistas e Paquetes, distantes da verticalidade e predispostos à sabujice. O emprego é bem pago desde que se disponham a moldar a realidade ao gosto e jeito dos seus progenitores.
.
A Comunicação Social, está assim em cada dia que passa, a ficar desprovida de profissionais com consciência politica e de classe. O conformismo, a indolência, a cobardia e o medo, são os objectivos encomendados - não vão faltar inergúmenos para os cumprir.

domingo, dezembro 19, 2010

Será que tem de ser assim ?,,,

OS CÍNICOS VENCEM

A pobreza surge como argumento pujante nesta campanha eleitoral, isto pela iniciativa do actual Presidente, candidato a Presidente, cuja propalada sensatez não supõe nem admite desvarios populistas.

Triste e compungido pelo sofrimento dos pobres, obcecado até à vergonha por tais males sociais, ainda não teve tempo para se pronunciar sobre os milhões libertos de fisco, que alguns (quase todos) dos poderosos, apoiantes da sua candidatura, vão receber no próximo dia 28 de Dezembro.
.
O maior da PT, actualmente fervoroso apoiante de Cavaco, com frequència desloca-se de helicópetro para ir almoçar e o Presidente ainda não balbuciou uma palavra sobre os anunciados aumentos da energia - calculo tratar-se de uma atitude pragmática, pois os pobres e nomeadamente os sem abrigo, não jogam na bolsa nem são consumidores daquela energia.
.
Tanto CINISMO

sábado, dezembro 18, 2010

COISAS DOS TEMPOS...

No Pátio das Tigelas, a Toina deu uma facada à Jaquina, é que esta defendia a irmã que meteu os cornos à cunhada - feito o inquérito chegaram à conclusão que a verdade material do crime resultava da dita cunhada ter-se amanhado com duas latas de feijão manteiga, coisa fina e ainda por cima já cozido.
.
Cavaco Silva está convidado para o casamento de um casal sem abrigo, um amor nunca visto, literáriamente nunca retratado - conheceram -se por aquecimento numa noite de inverno, ao partilharem um caixote de papelão de uma arca frigorifica. A cerimónia vai contar além do Presidente candidato a Presidente, com D. Policarpo, em que num acto de penitência irão comer açorda de pão dos contentores do lixo.
.
Marisa vai passar o ano na Auto-Estrada, é que o trabalho por vezes obriga a estas coisas, mas sempre é melhor que as estradas do Porto Alto ou de Coina, ainda por cima nem sequer existem rotundas.
.
Em Roma no Vaticano, já foram montadas as máquinas DUREX - aquilo é um ver se te avias, são filas repletas de freiras, frades e padres a enfiarem a moeda. Concluindo-se que a mensagem do Papa já foi interiorizada, a Fornicação é assim já um direito adquirido.

Adeus CP

Lá virá a privatização e nós ainda pagamos para que isso aconteça.

Via: Publico.pt



Consultor para a privatização dos suburbanos ganha 250 mil euros


A administração da CP decidiu seleccionar "com carácter de urgência" um consultor para estudar a subconcessão da exploração das linhas suburbanas de Lisboa e do Porto.
A empresa dá sequência às directivas do Governo para que, até ao fim de 2011, sejam lançados "procedimentos pré-contratuais" para atribuir a empresas privadas aquelas linhas.

A deliberação da CP atribui um valor de referência de 250 mil euros a pagar a "um consultor com efectiva experiência internacional na matéria", que terá dois meses para realizar os trabalhos. Os administradores referem o "apertado calendário pretendido pelo Governo" e o facto de a empresa não dispor internamente das competências necessárias para a realização de tal tarefa como motivos para o ajuste directo.

O consultor escolhido deverá apresentar modelos alternativos de subconcessão do serviço ferroviário tendo em conta a duração do contrato, as compensações financeiras, cedência dos comboios, afectação do pessoal e contratação da manutenção.

Deverão ficar ainda definidos os modelos de exploração possíveis a que os concessionários ficarão vinculados, nomeadamente ao nível de tarifário, horários, tempos de viagem e padrões de segurança e conforto.

Actualmente, só existe um concessionário privado na ferrovia portuguesa - a Fertagus, que explora os suburbanos de Lisboa a Setúbal e que propôs-se prescindir de subsídios do Estado a partir de 2011. O tarifário naquela linha é mais elevado, sendo frequente ouvirem-se responsáveis da CP dizer que, em idênticas condições às da Fertagus, a CP Lisboa também não daria prejuízo.

quinta-feira, dezembro 16, 2010

Acabou-se o Natal !

Para quem acredita no Pai Natal !

Para quem acredita no Pai Natal !

Para quem acredita no Pai Natal !

«Nunca foi tão fácil despedir»

Para quem acredita no Pai Natal !

«Futuros despedimentos serão pagos com desconto nos salários»

Para quem acredita no Pai Natal !

CP e Transtejo vão despedir centenas de trabalhadores

Para quem acredita no Pai Natal !

Patrões querem menos custos: leis laborais nem são o mais importante

Para quem acredita no Pai Natal !

UGT admite subida do salário mínimo para 500 euros só no fim de 2011

Aviso para não baterem com o nariz na porta!

Serviços municipais encerrados

Festa-Convívio dos trabalhadores do Município da Moita
Nesta sexta-feira, dia 17 de Dezembro, a Câmara Municipal da Moita vai promover a já habitualFesta-Convívio dos trabalhadores da autarquia, no Pavilhão Municipal de Exposições, na MoitaPara possibilitar a participação de todos os trabalhadores nesta festa, todos os serviços da Câmara Municipal estarão encerrados a partir das 12:30h.
A Câmara Municipal da Moita pede desculpa pelo incómodo e agradece a compreensão de todos os munícipes

Uma acção para repetir mais vezes

Rugby Vila da Moita vive a comunidade




Numa iniciativa de alunas da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE), fazendo uma ligação muito forte entre a Escola, o Rugby da Vila da Moita, a Instituição e a Associação Rugby do Sul (ARS), em benefício da CERCIMB, a missão foi cumprida, com um bom dia de convívio entre os clubes participantes, pais e acompanhantes. Foi um lindo dia de sol, uma boa causa de ajudar a CERCIMB e divulgar o Rugby.
Uma iniciativa como esta demonstra que o Rugby Vila da Moita não está de costas viradas para a comunidade.

Participaram as equipas do Rugby Vila da Moita, Ericeirense Rugby, St. Peters School e Rugby São Miguel.
Depois dos jogos disputados, sempre com a intensidade normal nestes escalões, deu-se inicio aos concursos de tracção á corda e aos pontapés aos postes, seguindo-se o almoço de confraternização, dança de sevilhanas (Grupo Soledad- Moita) e um jogo entre o RVM vs ESHTE (Escola de Hotelaria e Turismo do Estoril), em 4 tempos, inicialmente de Sevens e na 4ª parte de XV.
Foi um dia diferente e surpreendente para todos tendo como vencedor o Rugby!

Notícia elaborada a partir de dados fornecidos por José Chorão ao Jornal o Rio

Sá Carneiro, aquele "gajo" que...

... agora até parace ser um "bacano".


Santa Aliança CDU/PSD na MOITANa Assembleia Municipal do Barreiro foi votada uma moção de: "Homenagem a Sá Carneiro".

Ora, por via das más linguas e anti-democratas, a Moção não passou.
Tudo isto porque foi no Barreiro!!

Na próxima Assembleia Municipal da Moita (terça-feira dia 21 de Dezembro, onde impera a coligação PCP-PEV + PPD/PSD na Freguesia de Alhos Vedros e Freguesia da Moita) a Moção será aprovada por maioria, sem necessitar dos votos do PSD (partido que irá apresentar a moção sobre o 1º Ministro falecido "ou assassinado" na altura).

Sá Carneiro. Um Gajo Bacano

segunda-feira, dezembro 13, 2010

OS PDM’s DA MOITA…

Mail chegado à nossa Mule Express que passamos a divulgar:


Solicitou-me V. Exa. que lhe enviasse os meus comentários sobre o conteúdo da contestação da CM da Moita.

Em primeiro lugar devo dizer que tal “peça” constitui um verdadeiro monumento à arrogância, à hipocrisia, à prepotência, ao totalitarismo, ao insulto e ofensa pessoal e ao assalto aos bens e direitos inalienáveis dos cidadãos comuns, bens e direitos esses, protegidos pela própria Constituição da República!

A serem válidos e de aceitar os argumentos da CM da Moita, ninguém poderia efectivamente, ter vencimento contra a autarquia, em sede de impugnação de um PDM!

E, nesse caso, porque se permitiria ao cidadão a possibilidade de interpor uma impugnação? É isso o que se chama achincalhar o sistema!!!

A CM da Moita “esconde-se” atrás das (eventuais…) “competências técnicas e científicas” de um “naipe tão alargado de técnicos”…, esquecendo-se de dizer que tal “naipe tão alargado de técnicos” não se dignou sequer ouvir, muito menos contraditar os argumentos dos legítimos interessados, contra as soluções propostas pela CM da Moita! Esqueceu-se de dizer que tal “naipe tão alargado de técnicos” se limita invariavelmente a assinar de cruz e sem pestanejar… todas as propostas que lhe são apresentadas pela equipe, dita técnica, ao serviço da CM da Moita e dos comandos dos seus autarcas e mentores políticos!

Esqueceu-se de dizer, nomeadamente no n.º 17º a), b) e c) da sua contestação que, por influência directa ou má informação intencional da CM da Moita, o prédio inscrito na matriz cadastral rústica da Moita sob o artigo 10 da Secção Z foi parcialmente abrangido no PDM de 1992, por uma faixa de “Reserva Agrícola Nacional” em terreno precisamente constituído por um alvará urbano (7/91) emitido escassos meses antes, dois outros artigos urbanos tradicionais com as contribuições em dia e ainda uma faixa de terreno pobre e constituído por entulhos de uma antiga fábrica de tijolos que a ninguém de boa fé lembraria classificar como RESERVA AGRÍCOLA NACIONAL, depois de ilegal e ilegitimamente ter indeferido requerimento para o seu aproveitamento urbanístico, sem quaisquer razões técnicas ou legais que justificassem tal indeferimento (ofício 973 de 1992.01.22, como resposta ao requerimento nº 2855 de 01.10.91)!

E, no nº 18 a) e b) da sua contestação também a CM da Moita esqueceu de referir que, precisamente antes do domínio do PDM anterior, o PDM/92, a CM da Moita, POR COINCIDÊNCIA…, também indeferiu ilegal e ilegitimamente um outro requerimento do A. para o aproveitamento urbanístico do prédio inscrito na matriz cadastral rústica da Moita sob o artigo 22 da Secção P, EM TOTAL E FLAGRANTE CONTRADIÇÃO E DESIGUALDADE DE TRATAMENTO relativamente a igual pretensão do promotor urbanístico do prédio adjacente ao do A. e que hoje se encontra abrangido pela malha urbana do concelho…!

Além de hipocritamente vir dizer que desconhece a propriedade dos prédios do A. (depois de sucessivamente ter respondido com formalidades vazias de sentido às suas reclamações (o que, pelo menos, pressupõe que aceitou a legitimidade dessa propriedade…), vai ao ponto de afirmar que as fotografias perfeitamente actualizadas que foram fornecidas aos autos, “estão desenquadradas, distorcem a realidade e nada esclarecem sobre as questões em causa”!

Pelo contrário, elas esclarecem e muito e quem tiver disso alguma dúvida…, é só mandar verificar no local!

Por fim, socorre-se da mentira intencional, afirmando nomeadamente – n.º 19 b) – que o prédio inscrito na matriz cadastral rústica de Alhos Vedros sob o artigo 27 da Secção AA “já estava integrado quer na RAN, quer, “integralmente”, na REN, pelo que a situação se manteve”!
É fácil de verificar que no anterior PDM (de 1992), apenas uma estreita faixa no extremo leste do prédio, foi incluída em REN, por ser adjacente à “Vala Real “ denominada do Vale do Grou, que devia servir apenas de drenagem às águas pluviais, mas que a CM da Moita tem abusiva e impunemente utilizado para, a céu aberto, encaminhar os esgotos de Alhos Vedros para o Rio Tejo, apesar das repetidas denúncias e queixas, às quais ninguém tem ligado importância, desde o M. P. à Procuradoria Geral, desde o Ministério do Ambiente à própria Comissão Europeia e ao Parlamento Europeu!!!

Com os melhores cumprimentos,
Américo da Silva Jorge

domingo, dezembro 12, 2010

Presidenciais


.
O Candidato que leva a vida a dizer que não é politico, embora seja Presidente da República e já foi ministro e 1º ministro uma carrada de anos, com isto, tácitamente constroi a ideia de que não teve nada, de que não contribuiu nada, para a grave situação em que o país se encontra.
Com tais atitudes, Cavaco Silva agindo com falsa e beata inocência, procura construir uma imagem de salvador, pondo-se de fora do descrédito na politica, para o qual contribuiu com gente da pior espécie.
.
Cavaco Silva segue os passos de Salazar - no seu envolvimento com a Stª Madre Igreja e as suas mais recentes incursões sobre os mais humildes e pobrezinhos, vai disfarçando a vassalagem que dispensa áqueles que nos impõem fatalidades a favor dos banqueiros e demais poderosos, todos apoiantes da sua candidatura. Tal como Salazar, embora em outros moldes, Cavaco idealiza um regime paternalista, apoiado por massas populares apáticas, resignadas, humildes e tementes a deus, onde só a palavra do salvador interessa.
Não admira pois, que o hino para a sua campanha venha mesmo a ser a velha cantiga de apologia à pobreza, Uma Casa Portuguesa.
.
A não inverter-se a estratégia dos agiotas, o país não está perante medidas de austeridade circunstanciais que afectam temporalmente o nível de vida, está sim, perante objectivos estratégicos que pretendem atingir parâmetros de vida caracterizados por profundas percas civilizacionais.
.
Impedir isto, só pela luta que formos capazes - luta em que apenas se pondere a legitimidade.




dividendos

Senologia,
sabem o que é ?
.
Ricardo Salgado 71 milhões
Faria de Oliveira 65 milhões
Nuno Vasconcelos 60 milhões
Fernando Nunes 22 milhões
Joaquim Oliveira 20 milhões
É a doença da mama, que mesmo quando é benigna, continua dispensada de qualquer cobrança fiscal.

sábado, dezembro 11, 2010

Inesperado...

Cavaco Silva
apresentou a sua desistência
à Presidência da Républica.
Iniciando ontem a sua campanha para
Provedor da Santa Casa.
Tão triste e compungido que anda por tantos fracos, abandonados e pobrezinhos.

Este ano...

...o Pai Natal vai levar mais tempo a chegar, pois não descobre o sitio onde estacionou o trenó.

sexta-feira, dezembro 10, 2010

PRESIDENCIAIS

Será que as eleições para
a Presidência da República
foram adiadas ?
Ou trata-se da estratégia de ocultação das Candidaturas, deixando espaço ao actual presidente para continuar a actuar como presidente e não como candidato. Desconfio que anda por aí o dedo do estratega da repressão na ponte 25 de Abil, o impoluto Dias Loureiro, o especial amigo de Cavaco Silva.

Não aconteceu o CAOS...

JULIAN ASSANGE
(WIKILEAKS)
não é comparável a Bin Laden, Barroso, Aznar, Blair e Buch. Estes são criminosos, mandaram matar pessoas.
Tendo como acertado que os Segredos de Estado não devem de entrar no regabofe - a verdade é que o trinta e um que Julian Assange arranjou, não pode ser considerado um acto terrorista, nem tão pouco a promoção do Caos. A lista lançada no Wikileaks, por exemplo, permitiu perceber que o nosso Ministro de Negócios Estrangeiros tem sistemáticamente omitido, de facto mentido ácerca da passagem de aviões pelo território que transportaram pessoas que acabaram presas e torturadas em Guantanamo - bastando este exemplo para perceber-se que o CAOS SÓ É POSSÍVEL, pela falta de honestidade, idoneidade, sobriedade e transparência que vigora na prática da maioria dos Estadistas e Diplomatas.

Assim a taxa de DESEMPREGO...

...diminui, pois claro!!

Passo a transcrever um e-mail que nos chegou via Mule Express de um nosso leitor. A imagem do oficio foi distorcida e eliminados os campos onde o nosso leitor era identificado, bem como algumas partes do e-mail que foi enviado ao IEFP - Centro de Emprego do Barreiro.

Assim é facil diminuir a taxa de Desemprego
"Cuidado Casimiro!!!"

Exma. Senhora Directora do Centro de Emprego do Barreiro,
venho por este meio expor-lhe uma situação deveras caricata. Recebi um oficio vosso com o assunto “Reabilitação” datado de dia 4 de Dezembro de 2010 (Sábado), com carimbo de saída no dia 6 de Dezembro de 2010 (Segunda-feira), para me apresentar no dia 9 de Dezembro de 2010 (hoje Quinta-feira), pelas (
manhã) horas como pode ser visualizado no documento em anexo que envio.
Mesmo que o oficio tivesse dado entrada nos C.T.T. no dia 6 de Dezembro de 2010 (Segunda-feira), só por muita eficiência ( e em correio Azul, o que não é o caso) a carta me chegaria dia 7 de Dezembro de 2010 (Terça-feira) à minha caixa de correio, o que só aconteceu hoje dia 9 de Dezembro de 2010 (Quinta-feira e dia proposto para me apresentar nesses serviços) por volta das 15:00 horas.
Tendo sido dia 8 de Dezembro de 2010 (Quarta-feira), Feriado em honra de Nossa Senhora Imaculada Conceição, deduz-se que os C.T.T. folgaram neste dia, logo sem distribuição da correspondência.
Não quero acreditar que haja má fé da vossa parte ao enviarem um oficio tão em cima do prazo limite (ou melhor, fora do prazo limite aquando da recepção), nem quero estar a deduzir que a taxa de desemprego começa a ficar reduzida com exemplos destes.
Quero no entanto expressar que pretendo manter a minha inscrição nesse centro de emprego e que de momento, encontro-me a frequentar (...) com o apoio, ou patrocinado, pelo POPH, tal como já tinha referido em dois postais de correio azul que esse centro me tinha enviado, onde tive também de responder em dez dias e mais uma vez os prazos da recepção foram limitados a 1 ou 2 dias de resposta ao prazo limite por vós solicitado.

Aguardando o vosso contacto e resposta célere a este meu e-mail, melhores cumprimentos.

Id. Utente nº --------


Clique na imagem para melhor leitura e visulização

Oficio enviado pelo Centro de Emprego do Barreiro fora do prazo para apresentação do utente

quinta-feira, dezembro 09, 2010

Esquerda.net aloja Wikileaks em Portugal

Julian Assange pormenor da revista Time

O “espelho” do site especializado em fugas de informação está montado em servidor aberto pelo portal de informação do Bloco de Esquerda e responde ao apelo em defesa da organização.

O Esquerda.net decidiu responder positivamente ao apelo da Wikileaks e pôs à disposição da organização dirigida por Julian Assange um servidor para alojar um espelho (mirror) do site. Este espelho será uma cópia do site Wikileaks, e será administrado pela sua equipa, não tendo a redacção do Esquerda.net qualquer interferência ou acesso ao seu conteúdo.

Desde que começou a divulgar os telegramas de embaixadas americanas em todo o mundo, naquilo que já é conhecido como o Cablegate, o site da Wikileaks sofreu ataques do tipo “denial of service” para tentar bloqueá-lo, e um ataque mais real pepetrado pelas empresas Amazon e EveryDNS.net, que acabaram com o domínio principal do site, o wikileaks.org.

A partir daí, a organização começou a instalar espelhos do site e fez um apelo à multiplicação maciça desses espelhos, de forma a tornar impossível calar o “cablegate”. O apelo foi feito no fim-de-semana e até esta terça já havia 748 espelhos instalados nos mais diversos países. O espelho do Esquerda.net é um dos primeiros a hospedar o site em Portugal.

O Esquerda.net encara esta decisão de ajudar a defender o wikileaks como uma forma de defender a democracia, que está a sofrer um ataque sem precedentes. Os apelos da extrema-direita a que Julian Assange seja assassinado, o cerco financeiro que a organização está a sofrer e até a perseguição legal extremamente duvidosa a que o porta-voz da organização está a ser submetido configuram um ataque ao direito de informação sem precedentes, que exige uma mobilização rápida de todos os que valorizam a liberdade de expressão.

O servidor wikileaks do Esquerda.net é parte dessa mobilização.

Via: Esquerda.net

quarta-feira, dezembro 08, 2010

WikiLeaks: Parem a Perseguição

Via: Avaaz.org

Petição WikiLeaks

"A campanha agressiva de intimidação contra o WikiLeaks é errada, perigosa e compromete o Estado de Direito. Políticos importantes dos EUA chegaram ao extremo de chamar o WikiLeaks de uma organização terrorista, sugerindo o assassinato da sua equipe e pedindo para empresas boicotarem o site.

O futuro da liberdade de imprensa e Internet está em jogo. Vamos nos manifestar urgentemente para garantir que governos e empresas ajam com cautela e por vias legais, sem escalar a briga.

Assine a petição contra a perseguição -- vamos conseguir 1 milhão de vozes esta semana!"

terça-feira, dezembro 07, 2010

segunda-feira, dezembro 06, 2010

Centenário da República - 6 Dez 1910

Decreto regulamentando o direito à greve e ao "lock-out"; depois de uma vaga grevista em Novembro, proíbem-se os piquetes e exige-se um pré-aviso de uma semana.

in "Uma curta história política da República, no ano em que completa 100 anos" Edições Philae.

domingo, dezembro 05, 2010

Controladores Aéreos - Espanha

É claro que na situação actual, qualquer luta contra medidas que visem impôr a vontade dos Supra Agiotas a que os governos da UE prestam vassalagem, merecem-me a maior das atenções.
Deste modo, a greve dos Controladores Aéreos de Espanha, que dizem sem pré-aviso, gerou-me algum entusiasmo, não por prever pelo efeito qualquer cedência do governo de Zapatero, mas por mais um registo e um exemplo a estudar - pois não sendo um método lícito à luz das leis, ele pode ser legítimo no mesmo quadro Constitucional, sendo possível e porventura necessário que comecem a aparecer exemplos destes em Portugal.
.
Não pretendo com isto, num ponto de vista sindical a que se estabeleça tal método ou a animar a que os trabalhadores o usem à revelia dos seus sindicatos - pretendo apenas fazer entender que actual conjuntura marcada por PECs, de onde muitas medidas decretadas são claramente incontitucionais, percebendo-se até da parte de vários governos europeus, entre os quais o nosso, o desejo confesso de criar interregnos constitucionais, procurando para o efeito ajeitar os tribunais a decisões e jurisprudências conformes às suas vontades - é provável e começa a ser necessário que a questão da legitimidade, mais que a legalidade, comece a ganhar força e sentido na preparação de qualquer luta.
.
Os governos sabem que as medidas que têm vindo a ser impostas, pela desigualdade, injustiça e atraso civilizacional que comportam, não irão colher consensos alargados e apaziguadores, estando tão certos disto, que até começaram a encher os paiois de material para reprimir.
Esta imagem que infelizmente não é virtual, vai naturalmente empurrar-nos para acções em que nos basta apenas o direito à greve estabelecido na Constituição da República* - o resto, serão legalismos abafados pela legitimidade.
.
*na ditadura também se fizeram muitas greves, todas assentes na legitimidade.

G'anda Cimeira (NATO)

No balanço já feito pelos Industriais da Hotelaria, os bons resultados daqueles três ou quatro dias só foram possíveis, não própriamente pelo número de membros das diversas delegações intervenientes e convidadas, mas pelo acréscimo de centenas de acompanhantes portuguesas ou de outras nacionalidades cá radicadas.
Só a delegação Ucraniana solicitou mais de 80 acompanhantes, estimando-se deste modo a participação de mais de 2500 especialistas daquele sector de actividade, a envolver o conjunto das delegações.
.
Somos de facto um país acolhedor, muito organizado a tratar destes eventos, atingindo-se níveis de competitividade deslumbrantes, como é o caso descrito.
Entretanto tornou-se evidente, que sem tais cuidados a Cimeira não teria os resultados históricos por todos referenciados, pois o déficit mental, o stress e as carências afectivas que aqueles politicos eleitos manifestavam, não indicavam boa coisa, todos muito carentes.
Foi por isto decisiva a opção pela extravagância, em que de entre carinhos e deboche, foi possível atingir a orgia unificadora. Só faltou cá o fotógrafo Pireli.
.
- G'anda Cimeira!...

Presidenciais

Dia 8 de Dezembro
Quarta-Feira pelas 12 horas
.
Manuel Alegre
visita a Moita

De Fonte Certa

Em breve terei a lista detalhada do material que o Mister Bean* encomendou, tendo a cimeira da NATO como disfarce. Nem calculam a diversidade e quantidade de material encomendado.
.
Neste momento ainda não veio tudo - trata-se de material para uso exclusivo em manifestações, para reprimir e dispersar multidões.
O governo PS com o apoio do PSD e do CDS, preparam-se para o que der e vier, deixando de fora os terroristas. Nenhum daquele material vai ser usado contra os Gangs do BPN, Face Oculta e congéneres que por aí proliferam como cogumelos.
*Ministro da Administração Interna.

DIVIDENDOS...

Tem de facto valor, prima pela transparência, mas é lamentável que o gosto, hábitos e prazeres fiquem apenas por estas belezuras. Desconfio até que a maioria na Assembleia da República, aqueles que votaram contra o projecto do PCP, têm repugnância pelas transparências.
.
- encontrei esta imagem junto ao contentor do lixo, calculo tratar-se da página de alguma revista, daquelas côr de rosa.

sábado, dezembro 04, 2010

Faleceu o Srº Ernâni Lopes

Sem dúvida um expert que no ponto de vista dos politicos eleitos e das politicas prevalecentes, faz falta ao país. Já eu penso de forma diferente por aprendizagem democrática - é que eu e os demais cidadãos, todos fazemos falta ao país, incluindo este senhor que foi ministro, que infelizmente faleceu vítima de uma dolorosa doença.
.

Nesta circunstância se integrasse uma qualquer instituição onde fosse solicitado um voto de pesar, eu votaria a favor. Fá-lo-ia por dois motivos: em primeiro lugar porque se trata de alguém que foi ministro do meu país e no regime democrático instaurado com o 25 de Abril; em segundo, porque tive a oportunidade de o conhecer numa reunião, enquanto membro dos ORTs de uma empresa do sector então denominado de Linha Branca - registei o seu empenhamento, pois tratava-se de conseguir alargar prazos de excepção na contingentação de produtos, facilitando a sobrevivência e adaptação das empresas ás exigências do mercado e outras, no periodo de pré-integração na CEE, objectivo que com a sua intervenção foi alcançado, embora a maioria dos Industriais do sector, preferissem estoirar com as empresas, optando pelo fácil e descontrolado acesso que tiveram ao pilim a fundo perdido. Mesmo assim, seria macabra e estúpida outra qualquer atitude mediante um voto de pesar.

.

Entretanto é necessário lembrar aquela época que se prolongou além daquele governo, em que os ministros das finanças foram os principais artifices da destruição do aparelho produtivo, dos principais sectores da economia nacional - usando a politica monetária em conformidade com as exigências da negociação de calças em baixo no processo de integração - no jogo à balda das taxas de juro, ora p'ra cima, ora p'ra baixo, rebentaram com os sectores que dependiam da importação para de seguida rebentarem com os que dependiam da exportação e como nas pescas e na agricultura, não obtiveram resultados, pagaram para não pescar e cultivar.

.

Não esquecer, não é ser sectário.

Mister Bean...


sexta-feira, dezembro 03, 2010

P'rós e Contras

Já o programa ía adiantado (seg.feira passada) quando liguei o televisor, para naquele momento ouvir de um expert, Dr. de Coimbra que não fixei o nome, dizer: "a situação deverá a estabelecer mínimos, garantindo alguma coisa ás pessoas, para que não aconteçam situações como no século passado, como a revolução de 1917."
É confrangedor ouvir disparates destes da boca de experts em economia e finanças. O dito senhor, esqueceu que naquela parte do século XX toda a situação internacional foi condicionada por estratégias de hegemonia económico financeira que se degladiavam, gerando sucessivas crises, as quais precipitaram a 1ª Grande Guerra, e, que por mal arrumo em Versalhes acrescendo mais crises, determinaram após 22 anos a 2ª Grande Guerra.
.
Aquele Srº Doutor, que aparecia no lado direito do ecran, não conseguiu nem por um segundo disfarçar a sua posição de classe. Seguro de que a crise não lhe irá beliscar os parâmetros da vida que leva, de cátedra, sobranceiro, teve até a lata de abrir-se à caridade. É por isto e apenas por isto, que percebi o seu medo pela Revolução de 1917.
.
Descanse Srº Doutor!... os blindados já chegaram. Sócrates e infelizmente muitos militantes daquele partido e do alternante, garantem-lhe segurança e boa vida.

DIVIDENDOS...

Um Partido Có-Có
Ontem o Grupo Parlamentar dito Socialista, apresentou-se no hemíciclo inseguro, sem ideias e apenas afeito ao disparate.
A proposta do PCP que acabou reprovada, colocou a Assembleia da República que ainda há dias aprovou um Orçamento de Estado austero, como os patrões de fora querem e os Có-Cós de cá cumprem, a consentir mais uma habilidade daqueles a quem a crise nunca chega, autorizando-os a lesar o Estado em várias dezenas de milhões de euros.
Mas a nojeira prolongou-se, foi o facto de no seio da propalada pluralidade, os deputados socialistas apresentarem-se sob a tutela da chantagem, promovida pelo seu líder da bancada. Por certo que funcionaram os telélés de Sócrates e Teixeira dos Santos - seria muito chato os Banqueiros com que amiúde confraternizam, por causa do PCP e do BE, saírem prejudicados, coitados deles! ...
.
Só o Rendeiro vai receber 77 milhões limpinhos de qualquer encargo.

O frio não faz prisioneiros

Pombo morto na calçada

quarta-feira, dezembro 01, 2010

Não aceito a impunidade

Fiquei há alguns anos como procurador de três amigos, todos estrangeiros - todos eles com processos concluidos a aguardarem apenas receberem o que lhes devem conforme o Tribunal sentenciou. Acontece que até hoje e apesar das várias tentativas legalmente possíveis, não obtive qualquer resultado.
.
Apelo assim a que me ajudem a resolver isto, pelo menos a acreditar que é possível.
.Negrito
Tratam-se de dois ucranianos e um russo - todos com um nível intelectual e profissional que me deixaram triste quando decidiram voltar aos seus paises. Aquele que melhor conheci, trabalhou comigo 5 anos - excelente companheiro de trabalho, profissional a sério e sempre a horas certas, acrescendo tratar-se de um sábio em todo o tipo de cálculos matemáticos, trignométricos e outros, filho de um engenheiro aeronáutico e piloto de experiência de Migs, sobrinho de um astronauta soviético. (*)
.
Acontece que eu também acabei lesado, exactamente como o companheiro russo na mesma empresa, só que não recorri ao tribunal, mas pretendo também receber o que me devem, cujo valor corresponde apenas e só ao tempo de trabalho realizado que não me pagaram, onde nem sequer inclui qualquer valor indemnizatório.
.
Os ucranianos foram escravizados em Leiria, o russo e eu na Moita. Possuo toda a documentação necessária, sou eu que os represento - até agora não consegui qualquer resultado.
Estou decidido a não deixar que em meu nome Portugal fique mal representado. Ainda não sei bem qual a estratégia, mas estou determinado em usar esta quadra de vinculo sentimental e religioso para reagir a esta ignóbil impunidade.
.
Brevemente divulgarei o que vou fazer, entretanto explico-lhes que arrancarei na certeza de não colher as benesses dos membros do Gang BPN, como o Dias Loureiro e outros que andam por aí no bembom.

Centenário da República - 1 Dez 1910

A bandeira nacional republicana é inaugurada, segundo modelo de Columbano Bordalo Pinheiro.

in "Uma curta história política da República, no ano em que completa 100 anos" Edições Philae.

terça-feira, novembro 30, 2010

A nova dispensa ...

Porque a Internacional Socialista desapareceu; porque os democratas europeistas isolaram Obama ao ponto de não repetir mandato; porque concensualizaram intervalar sine die o processo civilizacional e democrático em todo o mundo, cedendo o poder aos não eleitos, aos controleiros e fabricantes do dinheiro.
.
Cá em casa a dispensa vai dimensionar-se, é que nem Constâncio Vice do BCE ainda deu uma palavrinha, aliás, são muitos os eleitos que apoiam os agiotas, mais, que lhes facultam meios para fabricarem dinheiro - deste modo na dispensa desaparece a manteiga em favor da margarina, yogurte só para os netos e leite do mais barato, queijo só ás fatias em raros dias e muito arroz e massa, acrescendo a sopa de couve pernalta, de agrião da vala e baldroegas sem esquecer o feijão sem ser de lata.
Cultura!? ainda anteontem desmarquei dois bilhetes para ir ouvir a Mariza ao Coliseu.
.
Só porque sou educado, é que
não os mando para a ... que os pariu ! ...

Kamones e PunkSinatra tocam hoje na Moita

Gostas de PunkRock??? Lembras-te dos RAMONES!?!?
Então não podes perder este concerto:


PunkSinatra + Kamones + DJ Billy @ In Live Caffé



♥♥♥ Vem aí romance... ♥♥♥

Capa Preto Código Branco

Olá Amiga(o)

♥♥♥ Vem aí romance... ♥♥♥

O romance "pretoCÓDIGObranco" - que começou a ser gerado há uns dois ou três aninhos - está, agora, disposto a apresentar-se aos seus amigos. Diz que não gosta de falar dele... mas posso dizer-vos que, umas vezes, sente-se um pouco louco, outras... divertido mas, há momentos, em que se acha de fracos humores... o que é humano... mesmo se atentarmos que estamos a falar de um romance.
Mesmo assim, quer partilhar convosco a alegria de existir...
Queiram aceitar, caros amigos, o convite que a autora Gigi Melo Valente e o "menino" pretoCÓDIGOranco vos enviam para estarem presentes na sua apresentação, no dia 2 de Dezembro, quinta-feira, pelas 18 horas, no local e hora indicados no convite anexo: Praceta Bernardo Santareno, 2 - ao Areeiro.
Mas há mais: "ele" não vos deixa hipótese de fuga: na impossibilidade de estarem presentes no seu lançamento... podem conhecê-lo no dia 4 de Dezembro, sábado, na Livraria Barata, na Avenida de Roma, nº. 11 - em Lisboa - onde, a partir das 17 horas, haverá uma sessão de autógrafos.
A autora Gigi Melo Valente e o irrequieto "pretoCÓDIGObranco" mandam-vos um grande abraço.

Sugestão: Se quiserem sentir-se membros da "Tertúlia do Convento" que, na ficção do romance acontece todas as quintas-feiras... usem uma luva preta/branca, um acessório preto ou branco... Com eles ou sem eles serão bem vindos...



CONVITE EXTENSIVO AOS VOSSOS FAMILIARES E AMIGOS!



Socorquex voltou a laborar ou ...?

Socorquex on Fire

segunda-feira, novembro 29, 2010

Ontem em Sarilhos Pequenos

Manuel Borges e Vitor Ramalho
ultrapassaram as expectativas.
Pelo conteúdo, estilo e recursos retóricos inovadores que usaram nas suas intervenções, conseguiram disfarçar todas as desgraceiras daquele encontro concelhio do PS. Exceptuando o jantar, é claro.
Em ambas, o ponto mais alto verificou-se com o ensurdecedor aplauso das centenas de presentes, quando se referiram ao candidato Presidencial Manuel Alegre.
.
É QUE EM BREVE HAVERÁ ELEIÇÕES
PARA A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA.

domingo, novembro 28, 2010

Na última Assembleia Munícipal da Moita

realizada no dia 26 do corrente mês, os representantes do PS, sem que alguém os forçasse a sair, decidiram "ficar de fora", não assumindo nada do que lá esteve em discussão. Não apresentaram qualquer proposta, mas conseguiram com o "estilo da trêta" intervir em tudo, para de seguida absterem-se em tudo.
Fazendo juz à tradicional querela CDU/PS cá do sítio, os eleitos PS aproveitaram a ocasião apenas como treino de preparação para o encontro exclusivista que hoje decorre em Sarilhos Pequenos, preferindo ensaiar discursos de brilharete em defesa do governo e do seu sacro- santo orçamento, não se envolvendo com interesse e a sério sobre as questões de incidência local, exactamente o que motivou a realização da referida Assembleia.
.
O total alheamento evidenciou-se ainda mais aquando da discussão da proposta do BE sobre o IMI, esquecendo até, que tal proposta resultou da recomendação também aprovada pelo PS no ano transacto sobre o assunto, acrescendo o facto de nem tão pouco recorrer a qualquer declaração de voto. Procedimentos destes, identificam apenas uma postura laxista perante as tarefas de âmbito municipal e deste modo a incapacidade de ser oposição fora dos periodos pré eleitorais, ou seja, sem a miragem da "cenoura do poder", porventura do tacho - não sabem nem querem saber de a quantas andam.
.
No Concelho da Moita, desde as primeiras eleições autárquicas, apesar de o PS ser em permanência a segunda força politica, nunca foi alternativa á CDU, e perante os factos, sinceramente interessa que não o seja.

Em Defesa do Estado

Apesar de me quererem pôr na rua, fora do Estado, persisto em defender o Estado. Considero até mafiosa a regra que impede o meu Estado de poder financiar-se directamente ao Banco Central Europeu ou a outras instituições congéneres, fico triste por ver o meu Estado a ter de recorrer a Bancos privadíssimos que não só o mamaram, como mamam e mamarão.
.
Estou triste por ver o meu Estado neste estado. Há mais de 30 anos a ser governado no interesse dos mamões e de outros desqualificados.
.
- Mesmo assim, viva o Estado !...

(...)

Sinais dos Tempos ...

sábado, novembro 27, 2010

Fantástico...

Inesperadamente,
aconteceu "Cégada" na
Assembleia Munícipal da Moita
Sempre misteriosamente inscrito para o uso da palavra, quase sempre numa dobragem de conveniência e a última intervenção garantida, exactamente como o "Palhaço ao acabar do Circo"- o maior, o maximizado expert da CDU, o experimentado dirigente proleta de invejável curriculum - em plena Assembleia adquiriu o direito de fazer o que bem lhe apetece.
De tal forma assim é, que existe quem já admita um dia destes acontecer o dito expert despejar em repuxo os intestinos, após valente feijoada.
.
Está claro que tal não irá acontecer. Acredito que num dia destes alguém daquela Assembleia, já disposto a renunciar ao cargo, antes de o fazer lhe esfregue os dejectos da feijopada nas ventas.
.
- Pelo que observei, tudo pode acontecer, nomeadamente por parte de algum comunista, daqueles sem compromiso étnico, que não aceitam observar a sua ideologia representada por figura tão abjecta.

sexta-feira, novembro 26, 2010

Lixados com F de fada

Pois é. Por artes mágicas lá vão desaparecendo os bancos para repouso dos utentes da linha férrea Barreiro/Setúbal. Alguma fada anda por aí a fazer desaparecer este equipamento que é vigiado 24 Horas sobre 24 Horas pelas camaras de vigilância, e os utentes lá vão ficando lixados com F de fada.

Bancos furtados nas estações da REFER

quinta-feira, novembro 25, 2010

As Nesgas nas Leis...

As hipóteses de construir artificíalismos, por prazos, por vírgulas e infindáveis minudências, facilitam a sucessão de engulhos processoais que dificultam e até impedem em muitos casos, a verificação da verdade, e deste modo a que se faça justiça.
Por exemplo no caso Freeport, prazos e outras trêtas, atrasam mais uma vez o processo. Depois das telenovelas mal encenadas e mal representadas a que se assistiu, percebendo-se a existência de sucessivos boicotes à investigação, agora, com o processo isolado apenas a dois arguidos, armaram mais um engulho.
.
- Será pelo receio de alguém que algum deles venha a "tocar trombone"?
- Será que em Portugal os assentados no poder por imunidade viram foras- da - lei com protecção legal ?

A Auto Europa Paralizou...

O elevado número de trabalhadores que antecipadamente vinham demonstrando aderir à Greve Geral Convocada pela CGTP e a UGT, gerou a dinâmica e o envolvimento que veio a determinar a paralização total daquela empresa. Pelo facto, a nossa saudação aos trabalhadores não apenas pela adesão, mas pelo elevado significado traduzido no somatório das decisões livres e individuais, que permitiu tamanha expressão colectiva.
.
Para os teóricos da capitulação, submissos que consideram não valer a pena reagir, que na actual conjuntura exaltam as piores atitudes humanas para justificar os seus sinistros objectivos - os trabalhadores da Auto-Europa, neste quadro, decidiram aderir pelo valor da solidariedade, rejeitando abandonar o vizinho aos seus problemas, a sua classe àqueles que a usurpam com as politicas de atraso e empobrecimento, que o actual Governo e aliados promovem no país.
.
Estão de parabéns os trabalhadores e os membros dos seus Ogãos Representativos, nomeadamente pela força do exemplo.
.
- lamento apenas o "ajuntamento de sindicalistas reformados"ao Piquete, estranhos à empresa, que por controleirismo e sectarismo, desataram a berrar quando C. da Silva e J. Proença no local falavam para a comunicação social.

PunkSinatra e KAMONES na Moita dia 30 Novembro

PunkSinatra + Kamones + DJ Billy - 30 Novembro @In Live Caffé

Bom dia,
Vem a RL Produções apelar-vos a mais uma divulgação de um concerto no dia 30 de Novembro pelas 22:00H no In Live Caffé (Moita) com o Punk Rock dos KAMONES e dos PunkSinatra.
Em anexo segue o cartaz do evento.
As entradas, como sempre, são a €5 com direito a uma imperial.
Gratos pela divulgação e sintam-se convidados.


KAMONES

João Alves (Peste & Sida) - voz

João Ribas (ex Censurados e actual Tara Perdida) - guitarra e coros

Paulinho (ex Jardim do Enforcado e actual Gazua) - baixo e coros

Rafael - bateria

...o projecto que interpreta exclusivamente temas dos míticos Ramones!


PunkSinatra

A história dos PUNKSINATRA começa em 2003 com o João Pinto, o Edgar e o Flávio. Convidam o João Almendra (também vocalista dos Peste & Sida) que vem então juntar-se ao projecto.
Em 2004 surgem os primeiros concertos. Santiago Alquimista, Punk com Chouriço, HardRock Café, entre outros. A banda grava também uma demo com 5 temas, entre eles "Estado de sítio", "Terceiro mundo" e "Ska Lisboa". No final desse mesmo ano, Edgar sai da banda e entra o Zé para o lugar, visitam o Algarve e o Alentejo. Entretanto a banda «hiberna» até finais de 2007.

Voltam à actividade em 2008 com um concerto no Tó Fest, entre outros, e com a gravação de uma demo de 10 temas. Encerram o ano com um concerto na Academia de Linda-a-Velha.

No ano seguinte, 2009, a banda grava "Ataca Contrataca o Monstro Acordou".
Em 2010 a banda arranca o ano com nova formação, uma mini-tour e prepara já novo trabalho.

terça-feira, novembro 23, 2010

Mais uma p/a Greve Geral

Hoje, ainda há pouco quando chegou da escolinha, a neta perguntou-me o que é a Greve - expliquei-lhe ao jeito que arranjei, falando-lhe de outros que não comem yogurtes nem vão à escola como ela, por causa daqueles senhores que falam no centro daquele grande e bonito salão que ainda há poucos dias visitou.
Ainda não tinha acabado a minha desajeitada arenga, ela comparou logo com a amiga, filha da visinha, recordando que a avó já lhes levara de comer, e sem deixar-me acabar a explicação, disse-me logo que amanhã fico contigo, não vou à escola.
********
Podem dar saltos e pinotes,
até porrada com o poder que têm,
mas Spartacus continua a ter
quem defenda e reafirme
a sua mensagem.

Greve Geral


Quem não pára, consente | Esquerda

Quem não pára, consente Esquerda

Todos na Greve Geral

Concerto Greve Geral

Cartaz Greve Geral

domingo, novembro 21, 2010

Mistérios e Disparates

No Jornal da Moita
de 18/Novembro na página 6
Retirando o escrito do Srº Merendas, com o qual no fundamental estou de acordo, embora tivesse plagiado o Avante - naquela página o que mais me intrigou foi o comunicado da Comissão Politica Concelhia do Partido Socialista da Moita.
Quase a entrar no despropósito a propósito do prémio nobel da paz a Liu Xiaobo, na busca de assestar no PC esparramaram-se ao comprido.
Embora com contornos diferentes do PC, o PS não tem autoridade moral para abordar o assunto da forma como o fez, pois em relação à China ou a outras bandas do Oriente, não existe registo louvável da sua parte em defesa dos direitos humanos, a não ser registos de posturas individuais e isoladas, e apenas daqueles mais afastados dos negócios e interesses que por lá desde há muitos anos proliferam, com indisfarçada marca PS.
.
O grande mistério que o artigo suscita, resulta da inimizade intima entre o PC e o PS, no caso da China - o PC apoia uma ditadura que esmaga a luta da classe operária e sustenta o capitalismo selvagem; o PS deseja poder impôr cá a politica salarial e os indices de exploração chineses. Esta aparente inimizade intima, é atestada pelas declarações deslumbradas do anterior Ministro da economia e pelas declarações de Jerónimo de Sousa, nas suas viagens à China.
Mas como se o mistério não bastasse, surge o disparate - o Secretariado da Moita do PS, interroga-se no seu comunicado sobre os resultados eleitorais do PC, considerando-o exagerado em comparação com outros PCs de outros países, e fê-lo com a maior desfaçatez, quando deveria interrogar-se sobre os grandes resultados do PS, apesar de todo o mal que já fez e se dispõe a continuar fazer aos trabalhadores e ao país, apesar da corrupção e da bandalheira que impera promovida pelo PS.
.
Para resolverem tais mistérios, um encontro Suchi PS/PC ao nível local, daria por certo um excelente contributo à vivência democrática no âmbito autárquico.

Para Fazer o que é Preciso


cresce a caridadezinha

AMARSUL
"matou três coelhos numa cajadada"
ao entregar donativo para o
Banco Alimentar Contra a Fome de Setúbal
.
1- Adquiriu visiblidade do tipo bemfazeja, integrando-se no "socialitismo em voga", que está a tornar-se num espaço com futuro garantido;
.
2- Ajudou a Pluricoop, cuja crise não a deixa;
.
3- Ajudou o unico Banco Português, que não entrou "naquela coisa do sistémico".

Cimeira da NATO

Decisões Históricas
Já fora da petulância e caganças dos terrététéus da cimeira dita histórica, percebi que trataram com divulgação pública três questões e uma em sigílio:
.
- Garantiram o fortalecimento da Organização, alargando a sua área de intervenção em prejuizo da ONU e a favor do capital financeiro de génese armamentista, entre outros com a encomenda do "chapéu anti-missil";
.
- Garantiram o fornecimento energético da UE sem sobressaltos por parte da Rússia, mais as facilidades de acesso ao Afeganistão, ou seja, ao inferno que geraram;
.
- Garantiram o apoio à estrutura xenófoba recentemente criada - FRONTEX - para impedir a emigração, escorraçar os emigrantes vindos de outros continentes;
.
- Em sigílo, apenas quebrado pelo "felizmente desbocado Sarkozy", ficou-se a saber que já está em construção o cenário justificativo para uma nova guerra, consta que com o Irão.
.
Sem dúvida, excelentes decisões...